asc desing

Após ser contratado pelo Botafogo-PB, Léo Moura anuncia aposentadoria no final do ano

Contudo, antes de pendurar as chuteiras, ele quer vestir a camisa do Flamengo, onde jogou por 10 anos, para fazer um jogo de despedida.

Por JACKSON SILVA em 04/03/2020 às 20:31:14

Aos 41 anos, a atual estrela do Botafogo-PB, Léo Moura vai ter a missão de conduzir o seu time numa partida para lá de complicada, contra o Fluminense, em pleno Maracanã, pela terceira fase da Copa do Brasil, nesta quarta-feira (04).

Durante o programa Seleção SporTV dessa terça-feira, o jogador confirmou que a sua intenção é de jogar futebol profissionalmente até o fim desta temporada. Contudo, antes de pendurar as chuteiras, ele quer vestir a camisa do Flamengo, onde jogou por 10 anos, para fazer um jogo de despedida.

Em tom de brincadeira, o comentarista Carlos Eduardo Lino questinou Leonardo Moura se ele tinha a intenção de jogar mais 10 anos. Tudo isso pela longevidade que o jogador conseguiu ter ao longo de sua carreira vitoriosa. No entanto, o camisa 88 do Botafogo-PB garantiu que já tem data para pendurar as chuteiras.

– Não, 10 anos não. O projeto no Botafogo-PB é até o final do ano. O meu principal objetivo é jogar em alto nível até o fim de 2020 e, se Deus permitir, jogar uma última partida com a camisa do Flamengo no ano que vem. É um grande sonho que eu tenho. São 519 jogos pelo time, é especial – confirmou Léo Moura.

Pelo Rubro-Negro carioca, Léo Moura jogou 10 anos consecutivos, de 2005 até 2015. No clube, conquistou o Campeonato Brasileiro uma vez, o Campeonato Carioca em cinco oportunidades, além de duas Copas do Brasil. A última, inclusive, teve o lateral levantando a taça como capitão do Flamengo. Somado a tudo isso, o jogador está entre os 10 que mais vestiram a camisa do Fla. O desempenho pelo time carioca foi tão bom que o jogador chegou a ser convocado pela Seleção Brasileira, em 2008.

Lembrando que em 2015, quando deixou o Flamengo para jogar no Fort Lauderdale Strikers, dos Estados Unidos, Léo Moura teve um jogo de despedida pelo clube, realizado no Maracanã, contra o Nacional-URU, vencido pelo time carioca por 2 a 0. Agora, o lateral-direito deseja uma nova partida, para abandonar de vez os gramados.

O tempo de Léo Moura no Flamengo passou, mas o jogador seguiu jogando em alto nível, foi campeão do Nordeste com o Santa Cruz, em 2016, e depois ainda conseguiu emplacar uma passagem no Grêmio, onde foi campeão gaúcho duas vezes, além de, é claro, a Libertadores de 2017. Antes de tudo isso, o jogador defendeu muitos clubes, como o próprio Fluminense, o São Paulo, o Palmeiras e o Botafogo.

Nesta temporada, Léo acertou com o Botafogo-PB para ajudar o clube num processo de estruturação. O grande sonho da equipe paraibana é conquistar o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro, algo que bateu na trave em algumas oportunidades recentes.

Ao desembarcar na capital da Paraíba, Léo Moura foi recebido com festa e garantiu que, mesmo experiente, o aprendizado tem sido importante.

– Desde a minha chegada, o pessoal tem me escutado bastante. Tem me perguntado muita coisa. Eu acho que posso contribuir além do campo. Com a minha experiência, acho que tenho muito a contribuir com o Botafogo-PB. E o time tem bons nomes, tem Fred, zagueiro, que jogou no Goiás, no Grêmio. Tem também Rodrigo (Andrade), que é um meia já experiente, passou por muitos clubes – contou o lateral.

Nesta quarta-feira, às 19h15, Léo Moura vai ter o principal desafio desde que chegou ao Botafogo-PB, que vai ser encarar o Fluminense, no Maracanã, pela segunda fase da Copa do Brasil. Para fazer história logo nos primeiros meses de Belo, o jogador vai ter que derrotar o Tricolor em solo carioca. Somente assim que os paraibanos podem conseguir a vaga na terceira fase.

Pensando nisso, o camisa 88 revelou que deu dicas aos companheiros: nada de jogo reativo, precisa manter a postura para sair com a classificação.

– A expectativa é grande, voltar ao Maracanã. Disputa por classificação na Copa do Brasil. Eu estou muito empolgado. O time não veio a passeio. Com o projeto que o Botafogo-PB está botando em prática. Eu acho que a gente tem um time para vir jogar no Maracanã e sair com a classificação. É o que eu falei para os meus companheiros, a gente tem que vir e jogar. Não adianta vir e ficar se defendendo – concluiu.

Fluminense e Botafogo-PB se enfrentam às 19h15, no Maracanã. A partida vai ter transmissão do SporTV, com narração de Daniel Pereira e comentários de Henrique Fernandes.

Fonte: Globo Esporte

ASC DESIGN

Comentários